Notícias de Ilha Comprida - SP

Libélula eletrônica encantou jovens da Ilha durante a 30ª Feira Internacional de Mecânica, na capital

Data: . - Ilha Comprida

Da idéia à produção industrial, o setor de mecânica envolve inúmeras possibilidades profissionais

Acompanhados pelo empresário Antônio Carlos dos Santos, que reúne 45 anos de experiência na área industrial, quinze jovens da Ilha Comprida visitaram no dia 20/05, a 30ª Feira Internacional de Mecânica, realizada no Pavilhão do Anhembi, na capital. Maior evento do setor na América do Sul, a  Feira reuniu 2.100 expositores que apresentaram as principais novidades da área de mecânica: robôs, máquinas utilizadas em todas as áreas de produção e a encantadora e surpreendente libélula eletrônica que, em pleno vôo com movimento de asas, mostrou até onde pode ir a robótica.
 
"Nosso objetivo foi mostrar aos jovens o que é o mundo da mecânica, da indústria, quais as possibilidades, sua presença em todas as áreas de produção e como a mecânica gira a economia do Brasil", explicou Antônio Carlos. O empresário, que mora na Ilha,  é proprietário da empresa Plastécnica, sediada em Pariquera, que produz moldes para todos os tipos de produtos com plástico. 
 
Segundo afirma, sua grande meta de trabalho é dividir com os jovens o conhecimento profissional adquirido ao longo de sua carreira:"Ensinei meus três filhos a gostar de Mecânica. Um deles é engenheiro da Renault. Hoje, estou empenhado em mostrar aos jovens esse mundo infinito de possibilidades de trabalho. Temos perspectivas de formar jovens para trabalhar na área, aqui no Vale ou fora. Com a duplicação da Serra do Cafezal (BR-116) , sabemos que as indústrias estão olhando para o Vale. Se, paralelamente, despertarmos o interesse dos jovens e formarmos mão de obra, teremos um bom mercado profissional", analisa. Os jovens foram à feira com apoio do município.