Notícias de Eldorado - SP

Agroindústria pode ser instalada em Eldorado

Data: . - Eldorado

No dia 15 de maio, às 9 horas, o Prefeito Municipal da Estância Turística de Eldorado, Donizete Antonio de Oliveira, e o Diretor do Departamento de Agricultura, Fábio Marcondes Fugiwara tiveram uma reunião com representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, da Coordenação de Produção Orgânica de São Paulo, da Casa da Agricultura e da Associação dos Trabalhadores na Transformação da Banana de Peruíbe (ATTBP).
 
O objetivo do encontro foi acertar detalhes para a proposta que a Agricultura de Eldorado encaminhou para o Ministério sobre a instalação de uma Agroindústria no Distrito Industrial da cidade, sendo que Eldorado foi escolhida entre outras cidades que lutavam por esse apoio, exatamente por possuir um número elevado de quilombolas e de assentados que acabam perdendo suas áreas.
 
O projeto que tem o valor de R$ 300.000, pretende junto ao Governo, a aquisição de máquinas e equipamentos apropriados ao trabalho com fibras vegetais. De acordo com Fugiwara, "o intuito é a apropriação de técnicas mais limpas para a confecção de produtos que diminuirão visivelmente os problemas ambientais como os de destruição de restos de cultura e acúmulo de resíduos plásticos".
 
Na agroindústria, serão confeccionados vários itens com a fibra de banana, entre eles os tubetes, empregando em torno de 100 mulheres. "As mulheres receberão uma capacitação para aprenderem a mexer com a fibra e, com esse estudo, conseguirão o seu próprio talão de notas, gerando independência financeira", relata a diretora-presidente da ATTBP, Maria Lúcia Tescaro Pereira Roma.
 
Após a fabricação dos produtos, a ATTBP se comprometeu a encontrar mercados para a substituição de tubetes de plásticos pelos de fibras vegetais que são biodegradáveis e podem ser colocados diretamente no solo.
 
Para a assessora técnica do Ministério, Adriana Bressan, "Eldorado será um modelo para todo o Brasil", pois essa iniciativa é inovadora. "Quando instalado o projeto, quero trazer não só o Ministério para o município, mas também a Casa Civil para verem que realmente a proposta funciona e é ambientalmente correta", comenta Bressan. "Em alguns outros lugares do país, a fibra está sendo utilizada para a fabricação de adornos para veículos automotivos e embalagens para transporte de frutas, inclusive esportes como wind-surf e surf com a confecção de pranchas", conta Fugiwara.
 
Segundo o Prefeito de Eldorado, "a criação da agroindústria será de muita importância ao município, pois gerará renda para as famílias dessas mulheres que trabalharão com as fibras". Como parte integrante do projeto, a Prefeitura Municipal se comprometeu com a assessora do Ministério, por uma carta de intenção, em providenciar transporte das fibras e para as mulheres que irão trabalhar; água, luz e segurança 24 horas no galpão em que será instalado os maquinários, além de auxiliar na manutenção e infra-estrutura do local até a própria agroindústria conseguir se manter, bem como apresentação de um relatório anual das atividades executadas e ter a gestão compartilhada com a ATTBP. "Com certeza, a Prefeitura está disposta a se comprometer com essas solicitações para que seja implantado esse projeto em nossa cidade, pois somos preocupados com a preservação e a conservação do meio ambiente", relata o Prefeito.
 
Após essa reunião, o próximo passo é esperar a aprovação da proposta pelo Ministério da Agricultura.